Bicentenário da Independência do Brasil

Para comemorar o Bicentenário da Independência do Brasil, ao longo do curso 2022-2023, o CEB oferece uma série de atividades destinadas a divulgar e debater esse fato histórico e seus significados ao longo dos últimos 200 anos.

programação

Próximas atividades

Data a determinar. Livro “1822: Independencia“. O CEB y Ediciones Universidad de Salamanca organizam a apresentação do livro “1822: Independencia“, dirigido por el Prof. Dr. José Manuel Santos Pérez, director del CEB. Se trata del primer volumen de una ambiciosa trilogía, coordinada por Pilar Jiménez Tello, dedicada a los emblemáticos años “22” de la historia brasileña: 1822, 1922 y 2022. Los demás volúmenes cuentan con la dirección de los profesores Pedro Serra e Ignacio Berdugo.

Data a determinar. Apresentación do livro “Oráculo inverso y otros relatos sobre la Independencia de Brasil” (Ediciones Universidad de Salamanca). O livro reúne os dois relatos vencedores e os dez finalistas da sexta edição do concurso de contos do CEB, “Cuéntame un cuento”, que tinha como tema os 200 anos da Independência do Brasil. O concurso contou com a participação de mais de 400 relatos procedentes de 10 países diferentes.

Revista de Estudios Brasileños

Jul – dez. 2022. Para comemorar o Bicentenário da Independência do Brasil, a Revista de Estudios Brasileños publicará proximamente em seu número 20, um dossiê dedicado a este tema. Coordenado pelo Prof. Dr. José Manuel Santos Pérez, diretor do CEB, o dossiê recebeu um total de 50 artigos assiandos por destacados pesquisadores e pesquisadoras no tema. Maiores informações sobre o dossiê, leia a entrevista com o Prof. José Manuel Santos Pérez na REB neste link.

Atividades anteriores

Exposições

20 set. – 30 out. 2022. Exposição “Grandezas de Brasil en la Biblioteca Histórica de la Universidad de Salamanca“. Trata-se de uma mostra espetacular com algumas das obras sobre o Brasil guardadas na Biblioteca Histórica de la Universidad de Salamanca. A inauguração aconteceu na Aula Lucía de Medrano das Escolas Maiores da USAL, e contou com a presença do reitor da USAL, Prof. Dr. Ricardo Rivero Ortega, e o embaixador do Brasil na Espanha, Orlando Leite Ribeiro, acompanhados pelo diretor do CEB, Prof. Dr. José Manuel Santos Pérez, e pelo especialista José María Sanz-Hermida. Consulte aqui o dossiê de imprensa e o álbum com as fotos da inauguração. O catálogo da exposição está disponível para download gratuito neste link.

7 set. – 7 out. 2022. Exposição “Profundidade de tempo”, do fotógrafo brasileiro Ricardo Hantzschel. A exposição reúne 22 imagens tomadas com uma câmara artesanal, que permite captar a passagem do tempo em fotos da cidade de São Paulo cheias de cores. A inauguração contou com a presença dp fotógrafo e do diretor do CEB, Prof. Dr. José Manuel Santos Pérez. Consulte aqui o dossiê de imprensa, o catálogo e a entrevista com o fotógrafo.

9 – 16 set. 2022. Exposição “Manguinhos revelado. Um lugar de ciência“. A exposição, organizada em colaboração com a Casa de Oswaldo Cruz (Brasil), reúne fotografias sobre as origens de uma das instituições científicas mais importantes da América Latina, a Fundação Oswaldo Cruz. A inauguração contou com a presença do Prof. Dr. José Luis de las Heras, decano da Faculdade de Geografia e História da USAL, Prof. Dr. Pedro Serra, Catedrático de Filologia Moderna da USAL, e o Dr. Paulo Elian, pesquisador da COC. Consulte aqui o dossiê de imprensa e o catálogo de la exposición.

Atividades acadêmicas e culturais

29 ago. 2022. Congresso Internacional “Independência: processo, personagens e interpretações“. O Prof. Dr. José Manuel Santos Pérez, diretor do CEB, ministrou a conferência intitulada “A Independência vista pela Espanha” no congresso organizado pelo projeto USP PENSA BRASIL. O evento tinha como objetivo discutir os significados da Independência do Brasil, assim como oferecer um debate historiográfico sobre as novas perspectivas de pesquisa o tema.

6 – 7 set. 2022. Iluminação da fachada do Palácio de Maldonado. Os eventos de comemoração do Bicentenário da Independência do Brasil começaram na noite do dia 6 de setembro com a iluminação da fachada do Palacio de Maldonado, sede do CEB e da Fundação Cultural Hispano-Brasileira, com as cores da bandeira do Brasil. Os turistas e residentes da cidade puderam apreciar o espetáculo também na noite do dia 7. Leia a notícia completa neste link.

7 set. 2022. Recepção à comunidade universitária vinculada ao Brasil. O espetacular pátio de Secuoya, localizado no edifício de Escolas Maiores da Universidade de Salamanca, foi o cenário de uma pequena recepção destinada a celebrar a importante efeméride do Bicentenário da Independência do Brasil. O evento contou com a presença do reitor da USAL, Prof. Dr. Ricardo Rivero Ortega, e foram convidado toda a comunidade universitária brasileira, assim como professores e pesquisaores da USAL que mantêm fortes vínculos com instituições brasileiras. A recepção oferecia um coquitel com alguams delícias da gastronomia brasileira e música ao vivo com o violonista Lisardo Rodríguez. Leia a notícia completa no link.

13 set. 2022. Mesa redonda “1822. A Independência do Brasil em debate”. No evento participaram os professores Dr.ª Laura de Mello e Souza (Cátedra de História do Brasil na Sorbonne Université), Dr.ª Ana Paula Megiani (USP, Brasil) e o Dr. Carlos Sixirei (Universidade de Vigo), moderados pelo diretor do CEB, o Prof. Dr. José Manuel Santos Pérez. O encontro tinha como objetivo debater os significados da independência do Brasil ao longo dos últimos 200 anos, especialmente, com relação à produção historiográfica brasileira e internacional.

16 set. 2022. Concerto “Aquarela do Brasil“. Edimundo Santos, Carlos Mankuzo e David Tavares ofereceram um passeio pela história da música brasileira num concerto no teatro Juan del Enzina. Para aproximar a história da música brasileira ao público espanhol, os artistas interpretaram músicas brasileiras, desde composições indígenas, passando pela música de origem europeia trazida pela pela Corte portuguesa, sem esquecer os ritmos de origem africana, que, unidos, produziram uma música única e inconfundível. Leia a notícia completa neste link. O podcast com a entrevista aos artistas está disponíble neste link.

1º dez. 2022. Lançamento da coleção “Pernambuco na independência do Brasil – 1822-2022“, da CEPE editora. O ato foi apresentado pelos professores Dr. José Manuel Santos Pérez, diretor do CEB, e Gilberto Freyre Neto, da Comissão Organizadora das Comemorações do Bicentenário da Independência em Pernambuco. Iguamente, participaram no evento, o Prof. Dr. George Cabral, da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE, Brasil) e diretor da coleção, assim como o historiador Marcelo Casseb, do Instituto Arqueológico Histórico e Geográfico Pernambucano (IAHGP).

Entrevistas

6 set. 2022. O Prof. Dr. José Manuel Santos Pérez, diretor do CEB, apresentava o programa de atividades organizado pelo centro com motivo do Bicentenário da Independência do Brasil.

7 set. 2022. Elena Villegas, diretora da Rádio Universidade de Salamanca, entrevistou o Prof. Dr. José Manuel Santos Pérez, diretor do CEB, com motivo das atividades organizadas para o Bicentenário da Independência do Brasil. O podcast com a entrevista completa está disponível neste link.

13 set. 2022. O programa #BMQS começa a  temporada 2022-2023 na Rádio Universidade de Salamanca com uma entrega especial dedicada ao Bicentenário da Independência do Brasil. A emissão oferece uma entrevista ao Prof. Dr. José Manuel Santos Pérez, diretor do CEB. O podcast com a entrevista completa está disponível neste link.

7 nov. 2022. O programa “Historias de bolsillo“, da Rádio Universidade de Salamanca entrevista o Prof. Dr. José Manuel Santos Pérez, diretor do CEB, para falar sobre o processo de gestação da Independência do Brasil. O podcast com a entrevista completa está disponível neste link.

Publicações

3 set. 2022. O jornal ABC entrevista o Prof. Dr. José Manuel Santos Pérez, diretor do CEB. Para el profesor, “el mayor mito es que fue una transición pacífica. En realidad, se movilizaron miles de efectivos y se contabilizan entre 3 y 5 mil víctimas”. Leia o artigo completo aqui. Imagem: ABC.

7 set. 2022.Brasil, un bicentenario que pasa sin pena ni gloria” é o título do artigo que o Prof. Dr. José Manuel Santos Pérez, diretor do CEB, publicou no jornal espanhol El país. No artigo, o autor aborada o momento quando aconteceu o marco fundamental da Independência, o grito “Independência ou morte!“, do então príncipe regente português, como a historiografia brasileira e internacional tratou o temae como o Brasil vive atualmente este momento. Leia o artigo completo neste link. Imagem: El país.

Compartir

Relacionado:

O escritor baiano Rodrigo Dias apresenta a versão em espanhol de seu último trabalho.
Consulte aqui a informação completa sobre o IV Congresso da ABRE.
Anais da primeira edição do CICSH, dedicada à obra de Gilberto Freyre.
Consulte aqui todas as atividades programadas para celebrar a nomeação de Caetano Veloso como doutor honoris causa pela Universidade de Salamanca.
Anterior
Próximo