Mesa redonda: Eleições no Brasil 2022 em debate

Com motivo das próximas eleições presidenciais no Brasil, o CEB organiza um encontro com especialistas que analisarão os principais temas relativos ao encontro com as urnas.
No domingo, 2 de outubro, o Brasil vai às urnas para eleger o novo presidente da República. Por isso, o CEB organiza na sexta-feira, 30 de setembro, a partir das 13h00, no Salão de atos, um conversatório com alguns especialistas no complexo contexto político brasileiro. No evento serão tratados temas como o perfil dos candidatos e dos últimos trankings, assim como questões relativas ao contexto internacional e econômico, as perspectivas para o segundo turno e o financiamento das campanhas eleitorais. A mesa redonda estará moderada pelo diretor do CEB, Prof. José Manuel Santos Pérez, e contará com a participação dos professores Marco Piva, Bruno Ayllón, Rodrigo Rodrigues-Silveira e Rubens Beçak. O evento acontecerá em formato híbrido, presencialmente na sede do CEB, no Palácio de Maldonado, e transmitido ao vivo através do Facebook YouTube.

Conheça os participantes

Bruno Ayllón Pino é doutor em Ciência Política com especialização em Relações Internacionais pela Universidad Complutense de Madrid (Espanha, 2004). Especialista em Integração Regional no MERCOSUR pela Universidade de São Paulo (Brasil, 2001), com pós-doutorado no Núcleo de Investigación en Relaciones Internacionales da Universidade de São Paulo (2005-2006), bolsista pelo Ministério de Educação e Ciência da Espanha.
Marco Piva é pós-doutorando e mestre em Ciência Política pelo programa de pós-graduação em Integração da América Latina da Universidade de São Paulo (Brasil). Atualmente apresenta o programa “Brasil Latino” en Rádio USP e na Rádio Brasil Atual, e é diretor de comunicação da Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo (FESPSP).
Rodrigo Rodrigues-Silveira é professor de Ciência Política na Universidad de Salamanca. Entre suas linhas de pesquisa estão a geografia eleitoral, o comportamento político, a política subnacional e, mais recentemente, as relações entre tecnologia e poder. Em um de seus últimos artigos (publicado em coautoria com o prof. Timothy Power), estuda as mudanças na ideologia do eleitorado nos municípios brasileiros entre 1994 e 2018.
Rubens Beçak é doutor em Direito Constitucional e Livre-docente em Teoria Geral do Estado pela Universidade de São Paulo (Brasil). É professor associado III da USP, professor no programa de pós-graduação da UNESP–Franca e pesquisador visitante do Instituto de Iberomamérica da Universidad de Salamanca (USAL). A entrada é livre até completar a lotação.
Entrada livre até completar a lotação.

Fecha y hora

30/09/2022 1:00 pm

Fecha de inicio

30/09/2022

Fecha de fin

30/09/2022

Compartir

Relacionado:

Uma exposição coletiva com 40 fotografias que retratam a passagem do tempo no distrito paulista de Paranapiacaba.
Uma mostra espetacular com algumas das obras sobre o Brasil, guardadas na Biblioteca Histórica da Universidade de Salamanca.
Ministrado em modalidade presencial, o curso começa em 5 de outubro com três níveles: A1, C1.1 e Conversação nível avançado.
Edimundo Santos, Carlos Mankuzo e David Tavares cantam a história da música brasileira num concerto no Teatro Juan del Enzina, da Universidade de Salamanca.
Anterior
Próximo