Inauguração da exposição interativa “Visibilidad trans”

No último 13 de janeiro, foi inaugurada no Palacio de Maldonado a exposição "Visibilidad trans", um proyecto de Sarah Freitas, Billie Gunz, Angélica Silva e Leonam Cunha.

“Visibilidad trans” é uma proposta de comunicação, difusão e educação que tem como objetivo fomentar a igualdade, inclusão, bem-estar e a saúde da população trans. Igualmente, busca sensibilizar e estimular a participação cidadã e a criação de redes de apoio para uma população em risco de exclusão social. O evento contou com a presença da diretora do Serviço de Assuntos Sociais (SAS) da USAL, Ana Belén Sánchez García, que afirmou que a unidade

pretende em todos os momentos garantir os direitos e liberdades das pessoas dentro da comunidade universitária e apostamos forte por isso diariamente. Esse é o sentido que este projeto tem, que está inserido no programa “Objetivo campus sustentáveis”.

Ana Belén Sánchez (SAS).
Escute a apresentação da diretora do SAS

“Visibilidad trans” é uma exposição fotográfica/biográfica de pessoas trans de certa projeção social, além de contribuir com dados sobre a realidade das pessoas trans na Espanha e na Europa, com o objetivo de concientizar sobre a importância de estabelecer um marco jurídico que garanta a igualdade das pessoas trans, especialmente das pessoas trans migrantes. Ignacio Berdugo, diretor do CEB e catedrático de Direito penal, destacava este último aspecto, recordando que neste sentido, não faz muito tempo

O que se dava era não já o próprio direito como elemento para garantir liberdades, mas como ferramenta para agredi-as ou para debilitá-las. Justamente o que não é direito.

Ignacio Berdugo
Escute a apresentação de Ignacio Berdugo.

A exposição está aberta a visitação no Centro de Estudos Brasileiros (Plaza de San Benito, 1. Salamanca) até 11 de fevereiro, de segunda a sexta-feira, das 9:00 às 14:00 horas. A entrada é livre, respeitando sempre as medidas de segurança.

Compartir

Relacionado:

O encontro aconteceu na Reitoria da Universidade de Salamanca.
O programa do CEB na Rádio USAL conversa com Marcos Vieira, um dos fotógrafos selecionados no programa de Residência Artística de Fotografia 2022.
Um programa destinado a facilitar a tradução e divulgação de obras brasileiras no exterior, que este ano conta com uma seção especial dedicada a
A mostra estará aberta à visitação até 12 de maio no hall da Faculdade de Economia e Empresa, Filosofia e Ciências Sociais da USAL.
Anterior
Próximo