A fotografia brasileira em debate na Revista de Estudios Brasileños

Três artigos abordam distintos aspectos desta forma de expressão, entre a arte, a informação e a história.

Não é nenhum segredo que a promoção da fotografia brasileira em Espanha foi sempre um dos objetivos do CEB e da Universidade de Salamanca. Como exemplo, está o programa de Residência Artística de Fotografia que, desde 2014, permite a autores contemporâneos brasileiros divulgarem um que muitas vezes transcende o meramente artístico, indo além, passando pela denúncia política, social e meio ambiental. No número 8, de 2017, a REB toma parte nesta iniciativa e um dossiê temático, coordenado pelos professores Charles Monteiro (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul) e Pablo Rey (Universidade Pontifícia de Salamanca), à fotografia brasileira. Neste interessante número podemos encontrar trabalhos como o de Ivaldo Gonçalves de Lima sobre a obra de Alair Gomes; o de Erika Zerwes e Eduardo Costa que abordam a institucionalização da fotografia brasileira e o interessantíssimo artigo assinado por Marcos Felipe de Brum Lopes, Ana Maria Mauad e Mariana Muaze sobre as práticas fotográficas no Brasil contemporâneo. Leia o conteúdo completo da Revista neste link.

Compartir

Relacionado:

O vencedor da sexta edição do concurso é Mario Daniel Martín, com o texto “Oráculo inverso”, um surpreendente relato sobre o destino histórico.
A nova edição tem como tema uma das maiores expressões culturais brasileiras: o samba.
Do dia 26 de julho até o dia 7 de agosto de 2022 está aberta a inscrição para a participação no Celpe-Bras 2022.
Anterior
Próximo