‘Historias de la Pacificación’ das favelas através de uma exposição

O Centro de Estudos Brasileiros da Universidade de Salamanca inaugurou a exposição 'Historias de la Pacificación', um projeto fotográfico sobre o processo de pacificação das favelas brasileiras da jornalista Valeria Saccone. A exposição, que foi instalada pela primeira vez na Casa de América de Madri, apresenta imagens impactantes, cotidianas e, às veces, duras. A obra estará à disposição do público até 30 de abril.

expofavelas25.03.2014

O Centro de Estudos Brasileiros da Universidade de Salamanca inaugurou a exposição ‘Historias de la Pacificación’, um projeto fotográfico sobre o processo de pacificação das favelas brasileiras da jornalista Valeria Saccone. A exposição, que foi instalada pela primeira vez na Casa de América de Madri, apresenta imagens impactantes, cotidianas e, às veces, duras. A obra estará à disposição do público até 30 de abril.

A mostra, que conta com a colaboração da Fundação Cultural Hispano-Brasileira e a Embaixada do Brasil em Madri, está composta por 47 fotografias que pretendem transmitir a visão de dez moradores das favelas através das imagens captadas pelas suas câmeras. Estes voluntários se prestaram a mostrar uma realidade que gerou um grande debate social: o processo de intervenção estatal em zonas marginais para arrebatar o controle que exerciam os grupos armados de narcotraficantes. Veja algumas fotos da inauguração em Salamanca24horas ou na Gaceta de Salamanca.

Compartir

Relacionado:

Viaje de forma confortável em trem até Salamanca desde qualquer ponto da Espanha com um preço especial.
Até 29 de fevereiro para apresentar sua candidatura.
A historiadora brasileira Laura de Mello e Souza recebe prêmio em reconhecimento à sua trajetória, escolhida pelo International Commitee of Historical Sciences.
Já está disponível o vídeo com a gravação da representação teatral da obra “El Brasil restituido” de Lope de Vega.
Anterior
Próximo