Chiaroscuro: uma exposição de Mônica Paes

Um projeto destinado a exaltar a arte Drag brasileira e seus personagens, neste caso, Alexia Twister, Mercedez Vulcão e Thelores.

No próximo 1º de julho, o CEB inaugura a exposição “Chiaroscuro” da fotógrafa brasileira Mônica Paes, selecionada no programa de Residência Artística de Fotografia de 2020.

O projeto Chiaroscuro

Nasce em 2019, quando Mônica Paes começo seus estudos sobre questões de gênero e teve o prazer de conhecer a Drag Queen brasileira Rita Von Hunty (Guilherme Terreri), fonte de inspiração deste trabalho. Rita é uma Drag conhecida por suas aulas e conferências, uma marxista apaixonada pelo que faz, que acredita que a educação, a cultura e a arte são a força motora para construir um país evoluído. Com ela, a fotógrafa teve a oportunidade de conhecer o outro lado da Drag Queen, o lado humano.

Entre uma conversae outra, o seu interesse por esta Arte foi aumentando, até que um dia lhe apresentaram um grupo de Drag Queens brasileiras, Alexia Twister, Mercedez Vulcão e Thelores, que estavam representando uma obra de teatro. Não faziam um show em um lugar escuro, estavam sobre um cenário, mostrando a sua arte e revelando seus traumas. E assim tudo começou.

Chiaroscuro é um projeto totalmente direcionado a exaltar a arte Drag brasileira e seus personagens, neste caso, Alexia Twister, Mercedez Vulcão e Thelores. A sombra que perpassa suas carreiras, NÃO forma parte desta arte, que possui uma luz própria que a autora tentou retratar nas fotografias que formam esta exposição.

Infelizmente a sombra é algo que reverbera na vida de uma Drag Queen, mas do que a luz, elas desde sempre precisaram viver a sombra, seja da sociedade, ou das luzes das calçadas. Por vários anos a arte Drag no Brasil precisava se travestir do ilusionismo, pois, precisavam estar ali sem serem notadas, a invisibilidade era algo que fazia parte do seu dia a dia.

O presente trabalho visa colocar estas Artistas onde elas merecem estar, no palco da vida de todos nós. As artistas aqui são: Alexia, Mercedez e Thelores, eu fui apenas um instrumento para revelar ao mundo o talento da Drag Brasileira.

Mónica Paes

Esta psicóloga e advogada, da cidade de São Paulo (Brasil), respira e vive as artes visuais, tanto em sua vida pessoal como profissional. Há cerca de cinco anos, resolveu dedicar-se à fotografia, iniciou seus estudos no Museu de Arte Moderna de São Paulo (MAM), onde teve a oportunidade de trabalhar com Gal Oppido, Marcelo Vitorino, e Marcelo Greco, hoje seu orientador e curador. Atualmente, é líder do grupo de Diversidade e Inclusão de uma empresa multinacional no ramo de entretenimento, trabalho totalmente voluntário que visa levar mais informação e conteúdo intramuros. Além disso, é gerente de produtos de luxo da mesma empresa, onde trabalha há 14 anos.

Em 2017, fundou, junto com Marcelo Greco e Helena Rios, o INC_PHOTOGRAPHY, (@inc_photograpfybr) um projeto que visa promover o trabalho de jovens fotógrafos, colaborando com seu desenvolvimento, promovendo a troca de experiência entre artistas, proporcionando vivências em diferentes culturas.

A exposição estará aberta à visitação no Palacio de Maldonado (Plaza de San Benito, 1), de 1º a 30 de julho de 2021, de segunda a sexta-feira, em horário 09h00 às 13h30. Com motivo da atual situação sanitária, é necessário reduzir a lotação de público na sala a uma máximo de quatro pessoas. Agradecemos a compreensão.

Fecha y hora

01/07/2021 12:00 am

Fecha de inicio

01/07/2021

Fecha de fin

30/07/2021

Compartir

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no skype
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Relacionado:

Ministrado em modalidade semipresencial, o curso começa em 29 de setembro com três níveis: A2.2, B2.2 e C1.3.
A vida cotidiana das populações originárias do alto Xingú (Mato Grosso, Brasil), como forma de reivindicar um estilo de vida em risco de extinção.
Uma mostra que pretende despertar consciências, de forma didática, sobre a importância de preservar os ecossistemas para as futuras gerações.
Um curso de especialização, destinado a pós- doutorandos, e realizado em modalidad on-line, em colaboração com a Faculdade Instituto Rio de Janeiro.
João Meirelles entrevista Mayra Castro, advogada e especialista em relações internacionais.
Anterior
Próximo